SOCIEDADE PORTUGUESA DE INVESTIGAÇÃO EM MÚSICA

 

A SPIM é uma organização que sucede à antiga Associação Portuguesa de Ciências Musicais e congrega a nível nacional os musicólogos e investigadores em todos os domínios dos estudos musicais, como a história, a teoria, a análise, a iconografia, a psicologia, a pedagogia, a informática, a sociologia, a filosofia da música, a performance e a etnomusicologia.

A principal missão da SPIM é a divulgação do trabalho de investigação em música nos seus diversos domínios, essencialmente, através de encontros anuais (ENIMs) e da publicação da Revista Portuguesa de Musicologia (RPM).

O ENIM pretende proporcionar aos profissionais e a todos os interessados nas diferentes áreas dos estudos musicais uma panorâmica plural, tematicamente diversificada e metodologicamente actualizada das actividades realizadas neste domínio em Portugal, encontrando‐se igualmente aberto a participantes de outras proveniências. Até ao momento, já se realizaram sete Encontros em parceria com entidades de diversos pontos do país: em 2011 na Casa da Música no Porto; em 2012 em Castelo Branco, em parceria com a Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco; em 2013 em Cascais com o apoio do Museu da Presidência da República e da Câmara Municipal de Cascais; em 2014, na Biblioteca Nacional de Lisboa, em 2015, em Évora, em parceria com o Departamento de Música da Universidade de Évora; em 2016 em Aveiro, em parceria com o Curso de Música do Departamento de Comunicação e Arte da Universidade de Aveiro; em 2017 em Braga, em parceria com o Instituto de Educação da Universidade do Minho.

A Revista Portuguesa de Musicologia (RPM) é publicada em parceria com dois centros de investigação da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa: o CESEM – Centro de Estudos de Sociologia e Estética Musical e o INET-md, Instituto de Etnomusicologia – Centro de Estudos em Música e Dança. Este periódico, com arbitragem científica, aceita submissões de artigos em todas as áreas da investigação em música. A revista é publicada online duas vezes por ano e inclui dossiers temáticos e artigos de investigação, assim como recensões de livros, fonogramas e outros suportes digitais. O português e o inglês são as línguas preferenciais, mas a revista aceita igualmente artigos em espanhol, francês e italiano. Actualmente a revista está indexada ao RILM, ERIH PLUS, LATINDEX e DIALNET.



 Contacte-nos

 

O seu nome (obrigatório)

O seu e-mail (obrigatório)

Assunto

A sua mensagem

Insira o Código
captcha